A Morte de mais um Homem Negro nos Estados Unidos Provocaram novos Protestos

A morte de mais um homem negro em uma ação da polícia nos Estados Unidos provocou novos protestos na cidade de Atlanta onde o crime aconteceu. Manifestantes percorreram as ruas de Atlanta e exigiram Justiça Diante da Assembleia Legislativa. “Quantos protestos serão necessários para que a próxima vítima não seja seu primo, seu irmão, seu tio, seu amigo, seu companheiro, estamos cansados”. Richard Brooks de 27 anos morto na noite de sexta-feira no estacionamento de uma lanchonete foi mais uma vitima da polícia Americana.

A polícia foi chamada porque ele dormia no carro e bloqueava o acesso à fila de entregas e depois de mais de 20 minutos de interação sem incidentes, os policiais decidiu algemá-lo, ele reagiu e pegou o Taser de um dos agentes e correu, Richard virou para trás e levou dois tiros nas costas. Autópsia de Richard Brooks concluiu que ele foi assassinado, o policial que disparou foi demitido o colega dele está, por enquanto, afastado do trabalho nas ruas. Na quarta-feira promotoria pública da cidade vai decidir se o policial deve ser indiciado.

Tômica Miller a viúva e mãe dos três filhos de Richard Brooks disse que não há Justiça possível nunca terei meu marido de volta afirmou Ela. Contou que quando via flagrantes de violência policial contra negros, sempre dizia ao marido, não quero que esse seja você, parece que não adiantou.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dois + 5 =