Busca orgânica no Google – Como funciona?

As buscas orgânicas no Google se referem, de modo geral, aos resultados naturais, ou seja, àqueles não pagos em um mecanismo de busca. Em oposição, estão os links patrocinados. Estes, como o próprio nome sugere, são pagos e aparecem na maioria das páginas de resultado.

Esse fato, porém, não garante cliques ao seu site. Isso porque 73% dos usuários preferem clicar num resultado orgânico do que em links patrocinados, pois eles acreditam serem as páginas mais confiáveis. Já segundo o IBOPE, 36% das pessoas acreditam que a empresa em primeiro lugar na busca orgânica no Google é a empresa líder naquele segmento.

Sabendo disso, uma empresa que deseja ficar bem posicionada na busca orgânica deve investir na otimização do conteúdo do seu site, o famosos SEO. Essa prática consiste em um conjunto de estratégias que fazem com que uma página seja localizada pelos mecanismos de busca do Google de maneira orgânica. Isso envolve desde o desenvolvimento de um site até a criação de um conteúdo relevante para alimentá-lo.

Algoritmos do Google mudam o tempo todo

Em conjunto com essas práticas, é necessário também estar atento em relação às mudanças de algoritmos de classificação de relevância do Google, que estão sempre passando por inúmeros e rigorosos testes para que a busca orgânica apresente resultados úteis. Para se ter uma ideia, os algoritmos são alterados mais de 500 vezes por ano.

Sendo assim, podemos afirmar de que o SEO é uma disciplina do marketing digital que nunca acaba, devendo ser uma constante preocupação de quem deseja alcançar os primeiros resultados do Google de forma orgânica, por isso, é importante que a estratégia adotada esteja sempre alinhada com essas mudanças, oferecendo um trabalho condizente com o que é exigido pelo Google.

Links patrocinados x Resultados orgânicos

Os links patrocinados são anúncios pagos seguindo a regra do custo por clique, onde o anunciante escolhe as palavras-chave que deseja patrocinar. O pagamento pelo serviço é feito conforme o número de cliques recebidos.

O valor do clique varia muito de acordo com a ocorrência da palavra-chave em questão, é aí que entra o auxílio de um especialista, que saberá determinar quais serão as palavras-chave que trarão melhor retorno, questão que não é tarefa fácil.

Já nas buscas orgânicas, as pessoas costumam encontrar a maior parte das informações não comerciais, como entretenimento, hobbies, esportes, educação etc. Já sabendo que os usuários geralmente tem maior confiança nos resultados dessas buscas, a importância do seu site ser localizado através de palavras-chave relacionadas ao seu negócio é inquestionável.

Assim, chegamos à conclusão de que os links patrocinados funcionam como uma espécie de leilão. Já ao investir em buscas orgânicas, você obtém resultados mais sólidos e duradouros. Todo o processo envolto é um verdadeiro investimento, que tende a apresentar efeitos concretos ao seu negócio.

A diferença entre ambas é expressiva e cabe a cada um avaliar qual o seu objetivo de campanha, para definir qual estratégia se encaixa melhor naquilo que você procura. Se precisar de ajuda, entre em contato com a Publiclick, através do site e teremos o prazer em te ajudar com o seu projeto!

Veja mais notícias em nosso site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *