Em plena pandemia homem é preso cometendo golpes no Rio Grande do Sul

Em plena pandemia um homem foi preso no Rio Grande do Sul suspeito de dar golpes em restaurante. O golpista utilizava documentos falsos para fazer o cadastro em aplicativos de venda e entrega de comida e bebida. Ele recebia os produtos de restaurantes em casa, mas não efetuava o pagamento. O estelionatário um Catarinense de 24 anos tinha como alvo estabelecimentos comerciais de renome na região metropolitana de Porto Alegre.

Ele foi preso em flagrante em casa no momento em que recebia mais um produto comprado pelo aplicativo. Segundo a Polícia pelo menos quatro restaurantes foram vítimas do golpe, em apenas um deles, o prejuízo foi de mais de R$ 10 mil. O criminoso ainda revende os produtos em sites de vendas pela internet. Segundo as investigações, as fraudes aconteciam há pelo menos um mês, o criminoso já tinha passagens pela polícia pelo crime de falsidade ideológica que é a calcificação ou adulteração de documento para obter qualquer tipo de vantagem.

Mesmo em tempo de pandemia onde os estabelecimentos comerciais tenta sobreviver utilizando as ferramentas da internet, os criminosos também continuam cometendo crimes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

quatro + 18 =