Mudança anunciada no Auxílio Emergencial de R$ 600 do Governo

O Governo anunciou que vai antecipar o pagamento da segunda parcela dos trabalhadores informais que perderam renda. Mas um número enorme de trabalhadores ainda não recebeu a primeira parcela. As filas nas agência da Caixa em todo o país continua, hoje o presidente do Superior Tribunal de Justiça João Otávio de Noronha, decidiu que é necessário ter o CPF regularizado para receber o benefício.

Ele derrubou uma decisão de Instância inferior que havia suspendido à exigência. A Receita Federal já regularizou automaticamente os CPFs que tinha pendências com a justiça eleitoral. Outros problemas com CPF podem ser resolvidos pelo site da Receita na internet (https://receita.economia.gov.br/). Desde o dia 9 de Abril a Caixa já depositou o Auxílio para 24 milhões de brasileiros beneficiados do Bolsa Família e inscrito no cadastro Único do Governo, informais que se cadastraram pelo aplicativo ou pelo site, também foram contemplados.

Até agora mais de 42 milhões de trabalhadores se cadastraram em busca do Auxílio e muitos ainda aguardam uma resposta. Tem direito a receber o Auxílio quem tem 18 anos ou mais e não tem emprego com carteira assinada, o trabalhador não pode estar recebendo outros benefícios com exceção do Bolsa Família. A renda média por pessoa da família, não pode passar de meio salário mínimo por mês ou renda familiar total de até 3 salário mínimos por mês.

Hoje a Caixa informou que mais um grupo de FPF foi analisado pela Dataprev e foi liberado um milhão e duzentas mil pessoas que estão no cadastro Único e mais 41 milhão de trabalhadores que fizeram o cadastro pelo aplicativo ou pelo site da Caixa. Além disso a Caixa anunciou hoje que vai antecipar o pagamento da segunda parcela do Auxílio para quem já recebeu uma vez, são os inscritos no cadastro Único e trabalhadores que se cadastraram no site ou aplicativo.

Os pagamentos obedecem a data de nascimento, começam na quinta e vai até quarta dia 29. O Bolsa Família mantém o calendário próprio. O Presidente da Caixa disse que, quem ainda não teve o Auxílio liberado poderá receber as duas parcelas de uma só vez a partir de quinta-feira, ele reconheceu que o número de trabalhadores pedindo o benefício superou a expectativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

8 + 7 =