O Governo Americano Investe Pesado em Vacinas Desenvolvida por Duas Empresas Europeias

O Governo Americano abriu os cofres e garantiu o recebimento de uma vacina desenvolvida por duas empresas Europeias. Na corrida pela vacina contra o novo coronavírus, o Estados Unidos querem ter a certeza de que vão chegar em primeiro lugar. Para ficar mais perto desse objetivo o Governo anunciou o maior acordo com Laboratórios feito até agora e vai investir 2 bilhões de dólares nos testes e na fabricação de uma vacina desenvolvida em parceria por duas gigantes Europeia a Francesa e a britânica conhecida como GSK. Em troca os Americanos terão acesso garantido a 100 milhões de doses caso a vacina seja considerada segura e eficaz. As empresas prometem começar os testes em humanos em Setembro e afirmam que podem ter a vacina pronta no primeiro semestre de 2021.

Ao todo os Estados Unidos destinaram mais de oito bilhões em pesquisas, testes e compra de futuras doses de vacinas que estão sendo desenvolvidas por diferentes empresas em diversos países, mas os desafios não terminam com a descoberta da vacina, ainda seria preciso produzir em larga escala e distribuir, para garantir que toda a população Americana de 320 milhões de habitantes sejam imunizados. Hoje o principal epidemiologista da Força-tarefa da Casa Branca Anthony Fauci reconheceu que a vacinação teria que ser feita em etapas em depoimento na Câmara dos Deputados. Fauci disse que está cautelosamente otimista de que uma vacina vai estar disponível ainda este ano no início do ano que vem.

Questionado sobre a segurança de uma vacina desenvolvida em tempo reduzido, Fauci afirmou que todas as etapas de avaliação está sendo cumpridas com Rigor e completou, algumas pessoas acham que a rapidez poderia comprometer a segurança e a integridade científica e garantir que isso não vai acontecer de jeito nenhum.