O Irã Executou um Atleta Olímpico Condenado por Matar um Segurança em 2018

O Irã executou um Atleta Olímpico do país de 27 anos condenado por matar um segurança em 2018, durante os protesto contra o Governo, a Defesa alega que não havia provas contra ele. Uma campanha online para salvar Navid Karen chamou a atenção, o Comitê Olímpico Internacional e até o Presidente dos Estados Unidos Donald Trump, pediram para que a vida do lutador, fosse poupada, mas neste Sábado a TV Estatal Iraniana, informou que as autoridades do país haviam executado Navid Karen. Navid foi condenado à morte em 2018 pelo assassinato de um segurança durante uma onda de protestos contra o Governo. Navid foi enforcado na Cidade de Chirã no Sul do Irã.

Navid teria dito a família que havia sido torturado para fazer a confissão, as autoridades Iranianas negão. De acordo com a Anistia Internacional, o Irã está entre os países que mais executaram pessoas em 2019, foram 250. Os dois irmãos do lutador, também estão presos no Irã condenados a 54 e 27 anos de prisão pelo mesmo crime.