Polícia prende 15 pessoas que roubam Banco em todo o país

A segunda fase da operação sentinela aprendeu 15 pessoas que participaram de roubos a banco no Sul do país. Segundo a Polícia toda a ação era planejada pelo dono de um Lava Jato no Distrito Federal e Joinville Santa Catarina. Foi preso um homem responsável por arrombar os cofres no Distrito Federal e outras quatro pessoas, três laranjas que sediam os nomes para o registro de empresas e carros usados na lavagem de dinheiro e o filho do líder do esquema.

O empresário José Carlos Lacerda leite de 40 anos está foragido ele tem um Lava Jato próximo à Brasília que, segundo a Polícia também era usado para lavagem de dinheiro. O Empresário é um velho conhecido da Polícia, desde 2009 ele atua em ataques a Bancos e foi condenado por furto qualificado e cumpria prisão domiciliar. Entre Novembro de 2019 e Abril deste ano, José Carlos comandou ataques as Agências em Santa Catarina, Bahia Amazonas e Goiás, mais de dois milhões de reais foram levados.

Na primeira fase da operação Sentinela no início do mês a Polícia Civil do Distrito Federal prendeu os cinco funcionários terceirizados de um dos bancos atacados, eles desligavam e sistemas de alarme e facilitavam os ataques aos cofres em todo o país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

oito − 6 =